Lu Conviteria - Convites de Casamento
   
   
  Última atualização   26 de junho de 2019 | 08:03:39
Contato

Encontro do Parlamento Jovem reúne alunos de Poços e região


Incluída em: 15/04/2019 | 09:16


O Encontro Regional do Parlamento Jovem – Polo Sudoeste reuniu alunos de Poços de Caldas, Guaxupé, São Sebastião do Paraíso e Itaú de Minas. As atividades aconteceram na última quarta-feira (10), no Espaço Cultural da Urca, e contaram com a presença do presidente da Câmara, vereador Carlos Roberto de Oliveira Costa (PSC), dos vereadores Álvaro Cagnani (PSDB), Lucas Arruda (Rede) e Paulo Tadeu D’Arcadia (PT), e dos coordenadores do projeto.

Na parte da manhã, os estudantes participaram de dinâmicas de entrosamento e aproveitaram o momento para a troca de informações sobre o projeto. Na parte da tarde, fizeram um passeio de Teleférico e, de volta à Urca, receberam as primeiras oficinas de formação temática. Os assuntos abordados nas palestras foram “Direito às identidades e à diversidade cultural” e “Desigualdades socioeconômicas e violências por motivo étnico-racial”. Após as oficinas e demais atividades do projeto, os alunos devem elaborar e votar propostas sobre Discriminação Étnico-Racial, tema do PJ em 2019.

As oficinas contaram com a participação da psicóloga, psicanalista e pós-doutora em Filosofia da Educação Roberta Ecleide, da professora, escritora e historiadora Maria José de Souza (Tita) e do presidente da Comissão de Assistência Social, Direitos Humanos e do Consumidor da Câmara vereador Paulo Tadeu Silva D’Arcadia. Os alunos puderam, ao final das palestras, apresentar dúvidas e considerações sobre os temas.

Roberta Ecleide falou sobre o direito às identidades e à diversidade cultural, iniciando a oficina com uma indagação: Há um lugar para as diferenças em nossos tempos? No decorrer da apresentação, a psicóloga destacou que, para lidar com a diversidade que soma e nos faz forte, é preciso honestidade, tolerância e responsabilidade, além de muita coragem para conviver com o diferente.

O tema desigualdades socioeconômicas e violências por motivo étnico-racial foi abordado pela professora Maria José de Souza e pelo vereador Paulo Tadeu. Além de um resgate histórico, pontuando algumas questões sobre preconceito, eles falaram de políticas públicas que podem ser implementadas visando à diminuição das desigualdades existentes ao longo dos tempos.
Julyana Belo Nascimento é aluna da Escola Estadual Dr. Benedito Leite Ribeiro, da cidade de Guaxupé. Pela primeira vez no Parlamento Jovem, ela destaca que o projeto permite que os jovens se tornem cidadãos melhores. “O projeto é importante para que possamos escolher bem nossos representantes, pessoas que realmente possam cuidar da nossa cidade e do nosso país. É importante também porque discutimos temas considerados tabus, isso abre bastante nossa mente para a política, mesmo porque muitos deles nós temos dúvidas”, diz.

Sobre o encontro regional, Ísis Vilhena Cavalcante, do Centro Educacional Poços de Caldas (Cepoc), destaca a interação entre os alunos e troca de conhecimento. “Eu gostei bastante das dinâmicas, foi ótimo para a gente se conhecer. As palestras também foram muito boas. A melhor parte do Parlamento é que, além da gente aprender sobre política, aprendemos a escutar opiniões divergentes”, afirma.

Formação Política
Uma palestra sobre Orçamento Público encerrou a etapa de oficinas de formação política para os alunos do PJ. O encontro aconteceu na última semana e contou com a participação do Assessor Financeiro da Câmara de Poços, Ricardo Marcondes, que falou  sobre três leis de iniciativa do Executivo: o Plano Plurianual, a Lei de Diretrizes Orçamentárias e a Lei Orçamentária Anual.

Segundo o Assessor, um dos objetivos da oficina foi mostrar as ferramentas que os alunos possuem para participação na elaboração do Orçamento, bem como na fiscalização da lei. “A importância desse tema é aproximar o jovem da vida pública, demonstrando o funcionamento do Orçamento, onde nem tudo que se autoriza realmente configurará alguma realização de despesa ou arrecadação de receita. Alguns alunos foram bastante participativos, a maioria estava atenta, entretanto, por ser um tema mais técnico e massante, muitos preferiram prestar atenção a se manifestar”, ressalta.

Aluna do 1º ano do Colégio Sete de Setembro, Anny Muniz Alves afirma que o mais importante da oficina foi conhecer melhor como funciona os gastos de uma Prefeitura. “A última oficina eu achei muito importante, pois muitas pessoas acham que quando um novo prefeito assume ele não precisa de planejamento, que ele pode gastar o dinheiro com o que quiser e quando quiser. O que me chamou bastante atenção foi o fato de quando um novo prefeito assume ele tem que continuar com o projeto do anterior no próximo ano, assim ele não pode parar uma obra que está sendo feita. Minha expectativa em relação ao projeto é bem alta, pois ele está ajudando a tirar muitas ideias deturpadas que eu tinha sobre o funcionamento da política, então espero aprender muito mais para ampliar os meus conhecimentos”, diz.

Projeto
O Parlamento Jovem de Minas é um projeto de formação política e educação legislativa, desenvolvido pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais e PUC Minas, em parceria com Câmaras Municipais. Além de despertar nos jovens o interesse pelo exercício da democracia, o programa possibilita o conhecimento do processo legislativo, bem como a vivência em situações de debates e exposição de opiniões.

ACS/Câmara Municipal
 

Pocos-Net 2017 3 Pocos-Net 2017 4 Pocos-Net 2017 5



ENQUETE

Sites Poços - Net | Anuncie | Central de Denúncias | Trabalhe na Rede Sulmineira de Provedores Ltda. | Política de Privacidade
© Copyright 1996-2013, Grupo Poços-Net - Todos os direitos reservados